domingo, 25 de maio de 2014

Lisboa-Madrid-Barcelona

Uma das maravilhas da internet (e do Linkedin) é permitir o acesso a informação relevante que de outra forma não seria possível. Falamos, mais uma vez, da informação disponibilizada pelas grandes consultoras.

Recorrentemente  fazemos  referência às grandes empresas e ao papel que desempenham na informação e disciplina do mercado.

Hoje é a vez de Aguirre Newman, com a publicação do documento “Market Information Aguirre Newman/Spanish Real Estate Market/Market summary and forecasts




A leitura do relatório não deixa de recordar a profecia de José Saramago, de que Portugal se integraria num país chamado Ibéria. De facto, as imperfeições do mercado português replicam-se do mercado espanhol e parece que vivemos a mesma realidade.

Vejamos, por exemplo, as debilidades do mercado residencial espanhol:

- Nível alto de desemprego (nomeadamente jovem)
- Diminuição do poder de compra das famílias
- Dificuldade de financiamento
- Incerteza quanto ao comportamento futuro da economia
- Aumento de número de estrangeiros que comprar no mercado espanhol, e que o vêm como uma oportunidade


Onde é que já vimos isto?

Fizemos, paralelamente, um pequeno estudo comparativo quanto às rendas e “yields” do mercado prime nas três cidades.

A conclusão parece simples: as rendas em Lisboa até que se são competitivas, agora as “yield” … o que faz a diferença no valor dos espaços.

A leitura do documento é obrigatória!

Nota: Os valores para Lisboa foram obtidos na publicação "Snapshot Rendas _ Yields T4 2013_PT" da consultora CBRE 


Reacções:

0 comentários:

Enviar um comentário